Notcias

Governana define aes do APL TI

Venâncio Aires - O Arranjo Produtivo Local (APL) de empresas de Tecnologia da Informação (TI) realizou na última sexta-feira, dia 4, a primeira reunião de governança ampliada, em Venâncio Aires. O encontro ocorreu na Câmara de Vereadores e contou com a presença de empresários de TI dos Vales do Rio Pardo e Taquari.

Na oportunidade, estiveram presentes a representante da Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias da Unisc, Patrícia Maria Konzen Klamt; o vice-presidente da Ativales, Eduardo Kroth e o prefeito de Venâncio Aires, Giovane Wickert, que destacou a importância da associação para o desenvolvimento dos Vales. “A nossa região é uma das que mais cresce no interior do estado, e acredito que tem possibilidade de se tornar um grande polo de tecnologia”, ressaltou o prefeito.

O prefeito mencionou como tendência para o futuro novas tecnologias para tornar o cotidiano das pessoas mais seguro e mais simples. Citou como exemplo o fato de que Venâncio Aires, por meio do Serviço de Atendimento ao Cidadão, o aplicativo Fiscale, busca facilitar e incentivar a comunicação dos cidadãos com o poder público municipal, e está concorrendo com mais quinze municípios do Brasil ao prêmio de melhor inovação em gestão municipal. Mencionou que o aplicativo foi desenvolvido pela empresa FortalezaTec, de Teutônia.

O gestor do APL TI, Jesus Edemir Rodrigues apresentou o objetivo do Termo de Colaboração 21/2017, firmado entre a Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) e a Apesc, que é o “fortalecimento das empresas através da qualificação dos empresários e técnicos do setor de TI via cursos de capacitação e consultorias individuais que possibilitem uma grande melhoria das empresas do APL na busca de vantagens competitivas”, explicou. Durante a reunião foram decididos os critérios de seleção para empresários e técnicos de TI interessados em se capacitar e qualificar as empresas do APL, através de dois cursos, de 28 horas cada, para beneficiar no mínimo 20 colaboradores de empresas de TI.  Já a segunda meta pretende a sistematização comercial nas empresas do APL, através de uma consultoria em cada empresa de TI.

Outro assunto tratado foi a meta 3, que é realizar uma missão internacional do setor de TI para promover ações de negócios e mercadológicas, com a participação de 10 empresas. Esta missão técnica prevê a participação da Web Summit, que é uma conferência de tecnologia considerada a maior do gênero que acontece em Lisboa, em Portugal, de 5 a 8 de novembro.

Critérios 

A realização dos cursos previstos na meta 1 ocorrerá em dois módulos, sendo cada módulo é composto por um curso, que acontecerá em três dias intensivos, nos turnos manhã e tarde. O primeiro módulo será realizado em Lajeado, na primeira quinzena de junho, e o segundo módulo será realizado em Santa Cruz do Sul, na primeira quinzena de julho. Os locais serão definidos de acordo com o número de inscritos, sendo no mínimo 20 e máximo 80 participantes. Já a realização da consultoria prevista na meta 2 acontecerá em horário comercial e iniciarão a partir da segunda quinzena de julho, devendo encerrar até o final do mês de outubroo.

Interessados em indicar pessoas para se qualificar em qualquer uma das três metas devem entrar em contato com o gestor do APL TI pelo e-mail  jesus@unisc.br  até o dia 12 de maio de 2018.

 

Assessoria de Imprensa APL TI

Michele Wrasse

Jornalista / Assessoria de Imprensa/ conteudo@casemkt.com 

(51) 3056.2840

FB: CaseMarketing

CASE MARKETING

Rua 28 de setembro, 624 / sala 624 Centro - 96810 174 - Santa Cruz do Sul/RS

www.casemkt.com

 

< Voltar




Case MKT - Solues inteligentes

LOTE 779 - Rua Assis Brasil, 779 | Santa Cruz do Sul/RS | Brasil | CEP: 96810.158

Tel/Whats: (51) 9 9565-6593

casemkt@casemkt.com | www.casemkt.com

Copyright 2009-2010 - Desenvolvido por